Resenha: A Esperança

 

 

 

 

 

Autora: Suzanne Collins
Editora: Rocco
Avaliação: ★★★★

Último livro trilogia “Jogos Vorazes”, “A Esperança” infelizmente não conseguiu manter a qualidade de seu anterior. Ainda assim, com uma forte pegada emocional e muita ação, veio finalizar essa aclamada distopia de maneira muito impactante.

Atenção ! Esta resenha contém spoilers de “Em Chamas”! Confira a resenha do segundo livro aqui

Sinopse:

Katniss sobreviveu a duas edições dos Jogos Vorazes, mas a luta ainda não acabou, as regras do jogo apenas mudaram. Panem está em guerra, os rebeldes se escondem no subterrâneo do distrito 13 e esperam que ela seja o símbolo da revolução, que ela seja o seu Tordo. A coragem de Katniss fez nascer a esperança nos distritos e, mesmo contra sua vontade, só ela poderá levá-la em adiante.

Em meio a muita pressão, Katniss precisa se recompor do massacre quartenário e encontrar forças para tomar as decisões certas, pois essas decisões poderão afetar a vida das pessoas que ela ama. Afinal, será que ser o Tordo não colocará a vida de sua família e de Gale em risco, a quem ela tudo fez para proteger até agora? Ou mais ainda, colocar em risco a vida de Johanna e Peeta que foram capturados pela capital e se tornaram fantoches nas mãos de seu grande inimigo, o presidente Snow?

Você vem, você vem
Para a árvore
Onde eu mandei você fugir para nós dois ficarmos livres.
Coisas estranhas aconteceram aqui
Não mais estranho seria
Se nos encontrássemos à meia noite na árvore-forca. Continuar lendo

Anúncios