Playlist: Extraordinário

Oi pessoinhas!

extraordinario2-640x387

Estou aqui hoje trazendo mais uma playlist para vocês. Essa é inspirada no livro Extraordinário que já temos resenha no blog. Se quiser conferir, clique aqui. Resolvi escolher músicas bem diversificadas e com letras impactantes como a leitura foi para mim. Espero que vocês gostem.

1) Alt-J – Tessellate

Aqui

“They’ll nosh you up, yes

they’ll nosh the love away, but it’s fair to say

You will still haunt me”

2) One Republic – I Lived

Aqui

“Hope when the crowd screams

They’re screaming your name

Hope if everybody runs

You choose to stay”

Eu acho que esse trecho da música I Lived combina muito com as primeiras palavras de August do livro quando ele diz: “Sei que não sou um garoto de dez ano comum. Quer dizer, é claro que faço coisas comuns. Tomo sorvete. Ando de bicicleta. Jogo bola. Tenho um Xbox. Essas coisas me fazem ser comum. Por dentro. Mas sei que as crianças comuns não fazem outras crianças comuns saírem correndo e gritando do parquinho. Sei que os outros não ficam encarando as crianças comuns aonde quer que elas vão.

3)Fleet Foxes – Mykonos

Aqui

“Brother, you don’t need to turn me away.

I was waiting down at the ancient gate.”

4) RY X – Berlin

Aqui

“Bedroom floor

And silence in my blood

Sorry love, I’m running home”

5) Young the Giant: My Body

Aqui

“It’s my road, it’s my road, iIt’s my road

And it’s my war, It’s my war, it’s my war

His eyes are open

Preceito do Sr. Browne de Novembro: “Não tenha amigos que não estejam à sua altura.”

Preceito do Jack Will: “Mantenha a calma e siga em frente! – uma campanha da Segunda Guerra Mundial.

E então? O que acharam? Gostaram? Não? Dê a sua opinião nos comentários. Em breve farei uma parte 2 dessa playlist porque eu acho que a vida do August merece pelo menos 10 músicas, haha ❤ Como o post iria ficar grande demais, resolvi dividir em dois. É isso, galerinha. Ah, tem algum livro especial que você quer que tenha playlist aqui no blog? Conta pra gente 🙂 Beijinhos.

Com amor, Malu

Resenha: Princesa Mecânica

 

 

 

 

 

 

 

Autora: Cassandra Clare
Editora: Galera
Avaliação: ★★★★★

“Princesa Mecânica” é o terceiro e último livro da série “As Peças Infernais” e foi um dos melhores livros que li esse ano. A trilogia é uma mistura de romance épico e mistério e se passa numa Londres do século XIX, no universo fantástico dos caçadores de sombras. Se você ainda não leu Anjo Mecânico ou Cidade dos Ossos, está esperando o quê? Corre aqui para ler as resenhas !

Resenha Anjo MecânicoResenha Príncipe Mecânico
Resenha Cidade dos Ossos

Aquilo que Acontece:

Essa sinopse é o máximo que é possível escrever deste livro sem spoilers.Tudo que acontece ao longo da história é surpreendente e a total ignorância é a melhor coisa a se ter no início da leitura. Então se você ainda não leu Príncipe Mecânico, pule para a segunda parte da resenha ou você pode ser spoilado !!!! 

                                                           

Tessa e Jem estão se preparando para o casamento e, apesar de Will ainda amar Tessa loucamente, ele conseguiu se manter afastado dela durante as últimas semanas para tornar as coisas menos difíceis para os dois. Durante todo esse tempo, nada tem se ouvido sobre o Magistrado e, portanto, Charlotte fica cada vez mais preocupada, convencida de que é preciso liderar um ataque contra ele o mais rápido possível. Mas, onde ele está?

Idris é a dica de Jessamine aos Irmãos do Silêncio, mas ninguém consegue decifrá-la. É apenas mais um mistério, assim como o porquê de Mortmain precisar tanto de Tessa para enfim usar seus atômatos para destruir todos os caçadores de sombra e ter sua tão sonhada vingança. Continuar lendo

Resenha: O Diário de Bridget Jones

10806497_730075310420975_1434108829903042200_n

Autora: Helen Fielding

Editora: Record

Páginas: 320

★★★★

Sinopse:

Bridget Jones, uma mulher de trinta anos, decide, entre as resoluções de Ano Novo escrever um diário. Bridget revela, a cada capítulo, as suas qualidades e os seus defeitos, além de expor com muito humor situações que fazem parte do dia-a-dia de várias mulheres nesta mesma faixa de idade: problemas com o trabalho, a busca do homem ideal, etc. Cada capítulo do livro trata de um determinado dia na vida desta anti-heroína, que sempre inicia o seu relato contabilizando o peso e as calorias, cigarros e unidades alcoólicas que consumiu no dia anterior.

Continuar lendo

Playlist: Sábado à Noite

Olá gente, hoje estou aqui para mostrar para vocês a playlist que eu fiz em homenagem ao livro Sábado à Noite da Babi Dewet, que eu terminei a leitura semana passada e já estou apaixonada pela história.

Querem saber mais sobre o livro ou sobre o que eu achei? Clica aqui para ver a resenha.

Essa playlist veio na minha cabeça super fácil, porque, afinal, o livro já é por si só repleto de música e tem uma playlist oficial e várias menções a músicas boas ao longo das páginas. Além disso, a Babi conta uma história tão cotidiana que o impossível mesmo foi escolher só 6 músicas. Vou mostrar aqui para vocês um trechinho de cada faixa e o link no Youtube. Let’s go ♪

1) Joe Brooks – Superman

aqui

So why do I disappear when you come near
It makes me feel so small
If I could read your mind
Girl, would I find any trace of me at all?

If I could be your superman
I’d fly you to the stars and back again
Cause everytime you touch my hand
You’d feel my powers running through your veins
But I can only write this song
And tell you that I’m not that strong
Cause I’m no superman
I hope you like me as I am

Quando eu estava começando Sábado à Noite, tudo que vinha na minha mente era essa música do Joe, porque eu praticamente enxergava o Danny cantando ela para a Amanda. Lá naquela época em que ele não sabia o que ela sentia por ele, que ele vivia aquela paixão platônica, ele podia muito bem ter escrito essa música, não acham? Difícil foi não colocar aqui a letra inteira! Ah, Daniel Continuar lendo

Resenha: Sábado à Noite

Autora: Babi Dewet
Editora: Generale
Avaliação: ★★★★

Eu estava morrendo para conhecer a história da Amanda e do Daniel, contada pela Babi de uma forma muito divertida e natural. Um YA nacional desses que nos lembram que podemos fazer livros tão bons quanto os que trazemos de fora

Se lembra quando desenhei nossos nomes na areia
e você disse que me amava?

Aquilo que Acontece:

O Livro conta a história da Amanda, uma menina linda e muito popular que anda com quatro outras meninas lindas e muito populares. Só que, mais especificamente, essa é a história da Amanda e do Daniel, de um romance muito complexo e cheio de empecilhos que começam pelo fato de o menino ser um dos perdedores da escola, conhecidos como “marotos”, nerds e encrenqueiros dos quais as meninas populares querem distância. Mas, os problemas não param por aí, afinal, Daniel é uma antiga paixão de infância de Amanda, que teve que ser muito bem esquecida em consideração a sua amiga Guiga que também gostava do garoto, mas não era correspondida.

Em meio a tanta confusão, Amanda começa a questionar suas atitudes, a pessoa que ela se tornou. Além disso, a menina não consegue parar de tentar entender como a misteriosa banda Scotty, composta por quatro rapazes mascarados que arrasam nos bailes de sábado da escola, podem escrever músicas que representam tão bem o que ela está vivendo no momento. Mas, tudo vai começar mesmo é por causa de um trabalho de artes que a colocará com a última pessoa que ela pensava em ficar perto nesse momento… Continuar lendo

Resenha: Mentirosos

IMG_4683

Autora: E. Lockhart

Editora: Seguinte

Páginas: 272

★★★★★

Sinopse:

Na família Sinclair, ninguém é carente, criminoso, viciado ou fracassado. Mas talvez isso seja mentira. Os Sinclair são uma família rica e renomada, que se recusa a admitir que está em decadência e se agarra a todo custo às tradições. Assim, todo ano o patriarca, suas três filhas e seus respectivos filhos passam as férias de verão em sua ilha particular. Cadence – neta primogênita e principal herdeira -, seus primos Johnny e Mirren e o amigo Gat são inseparáveis desde pequenos, e juntos formam um grupo chamado Mentirosos. Durante o verão de seus quinze anos, as férias idílicas de Cadence são interrompidas quando a garota sofre um estranho acidente. Ela passa os próximos dois anos em um período conturbado, com amnésia, depressão, fortes dores de cabeça e muitos analgésicos. Toda a família a trata com extremo cuidado e se recusa a dar mais detalhes sobre o ocorrido… até que Cadence finalmente volta à ilha para juntar as lembranças do que realmente aconteceu.

Continuar lendo

Resenha: O Presente do Meu Grande Amor

IMG_4447

Vários Autores

Organização de Stephanie Perkins

Editora: Intrínseca

★★★★

Sinopse:

Histórias românticas que se densenrolam em meio às festas de fim de ano. Esse é o mote de “O presente do meu grande amor”. A coletânea reúne 12 dos autores mais populares da atualidade, como Stephanie Perkins, Laini Taylor, Gayle Forman, Jenny Han, Rainbow Rowell e David Levithan, cada um deles imprimindo aos contos o próprio estilo, trazendo histórias que vão do cotidiano à fantasia. A antologia foi organizada por Stephanie Perkins. “Tive muita sorte por trabalhar com esses autores”, escreveu a autora em seu site. “Aprendi muito com eles e estou orgulhosa de suas histórias.” Continuar lendo