Resenha: 360 dias de Sucesso

Thalita Rebouças
Editora Rocco
★★★★

360 dias de sucesso é o mais novo lançamento da Thalita Rebouças. Um livro curtinho, super gostoso de se ler, que fala de fama, traição, amizade e muita, muita música.

Sinopse Resumida

360 dias de sucesso – Um grupo de amigos que só queriam levar um som e se divertir veem a vida virar de cabeça para baixo depois que publicam um vídeo na internet e se tornam sucesso imediato na rede. Retratando, com a sensibilidade e o bom humor de sempre, um fenômeno cada vez mais frequente em tempos de internet, a fama instantânea e efêmera, Thalita Rebouças volta à literatura juvenil, depois de dois bem-sucedidos títulos infantis, em seu novo e aguardado romance, 360 dias de sucesso, o primeiro narrado por um protagonista masculino. Um livro divertido e emocionante sobre sonhos, ídolos, romance, amor não correspondido, traição, escolhas. E, claro, muita música. Continuar lendo

Anúncios

Resenha: Sábado à Noite

Autora: Babi Dewet
Editora: Generale
Avaliação: ★★★★

Eu estava morrendo para conhecer a história da Amanda e do Daniel, contada pela Babi de uma forma muito divertida e natural. Um YA nacional desses que nos lembram que podemos fazer livros tão bons quanto os que trazemos de fora

Se lembra quando desenhei nossos nomes na areia
e você disse que me amava?

Aquilo que Acontece:

O Livro conta a história da Amanda, uma menina linda e muito popular que anda com quatro outras meninas lindas e muito populares. Só que, mais especificamente, essa é a história da Amanda e do Daniel, de um romance muito complexo e cheio de empecilhos que começam pelo fato de o menino ser um dos perdedores da escola, conhecidos como “marotos”, nerds e encrenqueiros dos quais as meninas populares querem distância. Mas, os problemas não param por aí, afinal, Daniel é uma antiga paixão de infância de Amanda, que teve que ser muito bem esquecida em consideração a sua amiga Guiga que também gostava do garoto, mas não era correspondida.

Em meio a tanta confusão, Amanda começa a questionar suas atitudes, a pessoa que ela se tornou. Além disso, a menina não consegue parar de tentar entender como a misteriosa banda Scotty, composta por quatro rapazes mascarados que arrasam nos bailes de sábado da escola, podem escrever músicas que representam tão bem o que ela está vivendo no momento. Mas, tudo vai começar mesmo é por causa de um trabalho de artes que a colocará com a última pessoa que ela pensava em ficar perto nesse momento… Continuar lendo

Resenha: De Repente, Ana

ana 2Autora: Marina Carvalho
Editora: Novas Páginas
Avaliação: ★★

De Repente, Ana é a continuação do romance da mineira Marina Carvalho, “Simplesmente Ana” e conta a história de uma menina que da noite para o dia descobre ser uma princesa e acaba tendo a sua vida mudada completamente com a descoberta. Uma leitura bem rápida, leve e com um quê de conto de fadas moderno, um YA nacional.

Se você ainda não leu o primeiro livro da história da Ana, corre para ler a resenha aqui no blog: resenha
E CUIDADO ! essa resenha pode conter spoilers do livro anterior, então se você ainda não leu, melhor parar por aqui.

Aquilo que Acontece

A continuação da história da Princesa Ana da Krósvia é um livro bem independente do primeiro, já que, como aqueles que leram “Simplesmente, Ana” podem constatar, o livro é bem conclusivo e não deixa furos para serem abordados em uma nova trama. Dessa forma, em “De repente, Ana”, vemos como tem sido a vida da Ana desde que ela foi coroada princesa: ela vive na Krósvia, mas visita sempre o Brasil, trabalha em uma embaixada e continua ajudando as crianças do Lar Irmã Celeste. Além disso, apesar de já ter se passado bastante tempo, seu relacionamento com Alex continua tão forte quanto antes, assim como sua amizade com Estela, apesar da distância. Tudo parece se encaixar perfeitamente em sua vida.

Porém, um acontecimento inesperado surge em seu caminho: seu pai, o Rei Andrej Markov, sofre um grave acidente e fica em coma. Com o Rei incapacitado, a lei do país é clara: Ana, única herdeira do trono, deve assumir as funções de seu pai no governo. Mas Ana não entende nada sobre governar o país e, por isso, vai precisar de muita ajuda para essa tarefa, além de ter que aprender a lidar com toda a pressão, já que todos parecem estar interessados em seu fracasso.

Aquilo que eu Achei

Eu ganhei esse livro no top comentaristas de Agosto do blog da Naty (just-books) e fiquei muito ansiosa porque gosto muito de prestigiar as autoras nacionais e a Ana já era uma velha conhecida minha… Acontece que, mesmo depois de terminada a leitura, tive dificuldade de escrever esta resenha, eu não sabia dizer o que achei do livro!

Assim como no primeiro, Marina tem uma escrita bem leve e fluida e na qual predomina muito a linguagem informal. No entanto, ao contrário do anterior, “De Repente, Ana” tem dois narradores: A Ana e o Alex, o que é fundamental para o enredo como um todo.  Uma ideia muito legal da editora foi mudar a cor das páginas de acordo com o narrador, o que deu um toque original na diagramação.

Quando as pessoas se amam, elas compartilham tudo, inclusive seus problemas, porque sabem que podem contar umas com as outras. Neste mundo não existe ninguém que ame mais você do que eu.

Quanto aos personagens secundários, não apareceram muito e, por isso não tenho tanto o que falar. Gostei de perceber, no caso da Ana, como ela amadureceu e como parece bem mais confiante de suas decisões e opiniões do que era antes. Já o Alex, que é um dos meus favoritos, estava basicamente igual ao primeiro livro, só que agora pude entrar um pouquinho na mente dele, o que foi super legal para entender melhor  sua relação com os outros personagens.

Afundei no banco de couro, ciente até demais de que a vida não avisa a hora em que vai dar uma bela rasteira na gente.

Eu gostei do livro, mas algumas coisas comprometeram a minha avaliação e me fizeram dar apenas 2 estrelinhas. O enredo foi muito previsível, talvez pela carência de personagens, já que apesar de já não haver muitos no primeiro livro há apenas um personagem novo na sequência. Talvez, porque a ideia da história da Ana não seja de toda original ou porque fazer suspense não fosse na verdade a intenção da Marina. Mas o fato é que, para mim, esse foi o grande problema do enredo. Faltou eu me sentir cativada pelo livro, faltou uma pitada de surpresa para deixar o leitor mais empolgado, faltou eu ficar envolvida com a história da Ana.

Apesar disso, eu fiquei muito satisfeita com o final e percebi que foi bem conclusivo, do tipo: dessa vez acabou (sim, tem epílogo). Para os que leram o primeiro livro e gostaram, talvez seja legal continuar, como eu fiz, mas se você não se prendeu tanto à Ana, melhor não arriscar com essa sequência.

Páginas: 313
Adicione no Skoob aqui
Visite o site da Marina aqui

Love, Mari

 

 

Segundas de Papel: Bienal do Livro e Cassandra Clare no Rio

E aí, galera? Eu sei que já é quarta-feira, mas eu e a Malu não pudemos postar ontem porque ficamos o dia inteirinho na fila para ver ninguém mais, ninguém menos que a fofíssima (literalmente) Cassandra Clare, a autora de “Os Instrumentos Mortais” e da trilogia “As Peças Infernais”. Mas antes de contar para vocês sobre essa nossa aventura, vou falar um pouco sobre como foi o primeiro fim de semana da Bienal de SP.

O fim de semana para quem foi ver a Cassie na Bienal de SP foi bem agitado. Não havia senha para todo mundo e por isso logo no sábado houve confusão. No domingo, ela até concordou em assinar um livro para as pessoas que não conseguiram pegar a senha e estavam lá desde as 3 horas da manhã. A autora também deu palestra e respondeu a várias perguntas de fãs. Para quem é muito fã como eu e quer saber tudo sobre a passagem dessa fofona aqui no Brasil basta acompanhar o Idris.com.br que eles registraram tudo. Aqui vocês podem conferir um vídeo de um meeting que aconteceu no dia 23, em que a Cassie responde a uma porção de perguntas de fãs: (Resenhas aqui: Cidade dos Ossos ; Cidade das Cinzas ; Cidade do Fogo Celestial)

CUIDADO ! Contém spoilers de Princesa Mecânica e Cidade do Fogo Celestial

Continuar lendo

Resenha: Fazendo Meu Filme 3 – O Roteiro Inesperado de Fani

FAZENDO_MEU_FILME_3_1361319011P

Autora: Paula Pimenta
Editora: Gutenberg
Série: Fazendo Meu Filme – Livro 3
Páginas: 419
Avaliação: ★★★★★

Comecei esse livro tentando em vão não ter muitas expectativas, porque imaginei que ele dificilmente superaria o segundo, que entrou para minha lista de favoritos. Mas como sempre, a Paula me surpreendeu e eu não poderia estar mais enganada. Estou cada vez mais encantada com a história da Fani e o talento dessa escritora mineira tão fofa.

Fani voltou para o Brasil depois de 1 ano fazendo intercâmbio na Inglaterra e percebeu que não é mais a mesma menina de antes. Ela cresceu e amadureceu, agora precisa se encaixar de novo em sua vida antiga. Em meio à pressão do vestibular e os dias na academia tentando perder os quilinhos que ela ganhou com a viagem, os seus dias são muito felizes, porque agora ela finalmente pode ficar com o Leo sem nada para atrapalhar os dois. Mas como nada no relacionamento deles e na vida da Fani pode ser fácil, algumas confusões podem aparecer no caminho, inclusive algumas pessoas indesejadas…

Mas algo dentro de mim está mudando. (…) eu tenho ficado mais sensível, com vontade de salvar o mundo. Mas eu gostaria de salvar a mim mesma também.”

Continuar lendo

Resenha: Fazendo Meu Filme 2 – Fani na Terra da Rainha

fazendomeufilme002ATENÇÃO: pode conter SPOILERS do livro anterior da série

Autora: Paula Pimenta
Editora: Gutenberg
Série: Fazendo Meu Filme – Livro 2
Páginas: 325
Avaliação: ★★★★★ 

 

“Fazendo meu filme 2” é um livro maravilhoso que acaba de entrar para minha lista de favoritos com certeza. É um sentimento indescritível ler um livro e se identificar tanto com ele. Foi isso que aconteceu comigo, apesar de eu nunca ter feito intercâmbio.

Fani afinal viajou, e ao chegar à Inglaterra ela é recebida por uma família super carinhosa, mas alguma coisa não parece estar certa. Acontece que depois daquele beijão do Leo no aeroporto, ela não conseguiu pensar em mais nada e chorou a viagem inteira. O que será deles dois agora? Será que viajar foi a escolha certa? Em um ano de intercâmbio muita coisa pode mudar, inclusive a própria Fani, que terá que lidar sozinha com uma avalanche de sentimentos intensos, desde alegria e paixão até tristeza e saudade.

Eu posso viajar para onde for, posso conhecer o mundo inteiro, mas nenhum lugar nunca será como Belo Horizonte. Apenas por um motivo: é lá que o meu amor está.” Continuar lendo

Resenha: A Ilha dos Dissidentes

download

 

 

 

 

 

Autora: Bárbara Morais
Editora: Gutenberg
Avaliação: ★★★★★

Primeiro livro da trilogia “Anômalos”, “A Ilha dos Dissidentes” é uma distopia brasileira repleta de ação e aventura com ótimos personagens e um enredo muito cativante.

Sinopse:

Sybil vive em Kali, uma zona de guerra entre a União e o Império do Sol. Porém sua vida muda completamente quando ela se inscreve como refugiada para trabalhar em uma zona de paz e, após o seu navio naufragar, ela é a única sobrevivente. A tragédia faz Sybil descobrir o que ela nunca havia imaginado: ela é uma anômala, ou seja, faz parte da população que devido a mutações genéticas obteve poderes especiais. Após a descoberta, ela passa a viver em Pandora com várias pessoas iguais a ela e cercada de amigos que se preocupam com seu bem-estar. Mas, apesar das pessoas, da comida boa e da segurança, ser diferente nunca pode ser fácil.

– Ava, se você for ouvir tudo que as pessoas esperam de você, vai viver a vida que elas querem. Várias pessoas vão achar que você é só músculo e nenhum cérebro, mas você tem de se perguntar se isso é real. A impressão que elas têm de você não é a verdade. Não é o respeito delas que vai fazer você melhor ou pior! O que os outros acham de você não a define, e sim como você se vê, a forma como pensa de si mesma.

Continuar lendo